Tecnologia do Blogger.

Apoiamos

Recent comments

Comentários

Bombou nos últimos 30 dias

FEATURED POSTS

Notícias 24 horas

Cultura & Lazer

Postagem em destaque

Bullet Bane marca para 21 de maio o show de lançamento do 5º álbum, BLLT

  Novo registro, que entrega a essência da banda, será lançado no Fabrique Club (São Paulo), com produção da Powerline O quinteto paulistano...

O PORTAL RECOMENDA

GASTRONOMIA

GASTRONOMIA

Região Sul Flu

» » » Ana Paula Rechuan participa de abertura do Outubro Rosa na Alerj

Durante o mês de outubro a Casa promoverá rodas de conversa sobre o câncer de mama




A deputada Estadual Ana Paula Rechuan (PMDB) participou, na noite de terça-feira, dia 3, da abertura oficial do ‘Outubro Rosa’ da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). A campanha busca conscientizar sobre o câncer de mama e terá rodas de conversa durante todo o mês, com especialistas e autoridades de saúde sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce. Presidente da Frente Parlamentar para o Enfrentamento ao Câncer, a deputada lembra que esse é um momento de sensibilizar as pessoas para que conheçam o próprio corpo e se cuidem.

- Praticar atividade física, não fumar, comer de forma saudável e evitar alimentos industrializados é a melhor forma de evitar a doença. Além disso é preciso fazer a prevenção para que o câncer seja detectado o mais cedo possível, aumentando as chances de cura. É importante que a mulher apalpe sua mama todo mês, logo depois da menstruação, para perceber qualquer diferença na mama. É importante dizer que o câncer tem cura - explica.

No dia seis de outubro a parlamentar participará de uma roda de conversas na Alerj com o tema "desafios e tratamento do câncer de mama: cenário atual e futuro". Na luta para garantir tratamento adequado à população, Ana Paula é autora da Lei Nº 7648, que cria os Centros de Diagnóstico de Câncer na rede pública do estado do Rio. Essa é uma forma de garantir maior chances de cura à população.

- Quanto mais cedo o câncer é descoberto, maior são as chances de cura, por isso a importância de agilizar o diagnóstico. Nós temos Leis que garantem à mulher a reconstrução da sua mama e é importante disseminar essas informações, pois existe toda uma estrutura para acompanhar e tratar a mulher em sua plenitude - finalizou.




As rodas de conversa serão gratuitas, das 9h às 13h, no Auditório Nelson Carneiro, na Alerj, com os seguintes temas:

6/10 - "Desafios e tratamento do câncer de mama: cenário atual e futuro".
11/10 - "Cuidados do câncer nas mulheres privadas de liberdade".
20/10 - "Desafios enfrentados pelas mulheres soropositivas e terapias complementares".
27/10 - "Cuidados e tratamento em mulheres trans".

«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

About the Author Redação

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Nenhum comentário

Leave a Reply

Agenda

Cat-6